terça-feira, 5 de julho de 2011

Exercícios com o Peso Corporal

A re-invenção dos exercícios através do treinamento funcional e ginástica animal trouxe para os exercícios com o peso corporal uma nova dimensão de desafios, digo isso pois, uma simples flexão de braço tem mil variações o que a tornam díficil até para os alunos mais avançados.

Exercícios com o peso corporal têm a vantagem de sempre trabalharem a região abdominal e lombar pela necessidade de estabilização, além de serem realmente funcionais. E tudo isso sem a necessidade de nenhum aparelho, podendo ser executados em basicamente qualquer lugar.

Vamos ver como usar eles no seu treino em uma progressão adequada...

O único foco deve ser sempre a execução correta do exercícios e o cuidado em realizar uma progressão pois como só utiliza o peso corporal isso pode significar um progresso muito rápido para o aluno, progredir de pulley frente com 10kg para uma barra fixa, se você tiver 80kg, é muito perigoso.

Para ilustrar vou utilizar a flexão de braço como exemplo e uma progressão de exercícios:

-com a mão em uma cadeira
-com a mão em uma cadeira com 1 pé apoiado
-com cada mão apoiada em uma cadeira
-com cada mão apoiada em uma cadeira e 1 pé apoiado
-com cada mão apoiada em uma cadeira e os pés em outra cadeira
-com troca de peso, cada vez em um braço
-com o peso mais em em lado que no outro
-com os pés elevados

Enfim a variedade é enorme, e é possível incrementar os exercícios colocando mais características instáveis ou angulações, sem a necessidade de aparelhos ou pesos extras.
Apesar de o trabalho com o peso corporal ser o mais antigo do mundo, ele é cada dia menos utilizado, o que torna o ser humano muito bom em fazer leg press com 300kg, mas não consegue nem agachar para pegar ao que cai no chão, sem sentir dor nas costas, joelhos, etc.
Lembrem-se o ser humano foi feito para se movimentar.
Abraços e Bons Treinos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário