quinta-feira, 19 de abril de 2012

Avaliação Física é fundamental?

Uma pergunta simples feita por muitos alunos: avaliação física é importante?
Por muito anos as avaliações físicas foram um meio das academias conseguirem cobrar uma taxa extra de seus alunos, isso ainda somado ao fato que muitos educadores físicos não lerem as avaliações para iniciarem suas prescrições de treinamento, e pior ainda não a utilizavam para conseguir acompanhar os resultados de seus alunos. Vamos entender um pouco melhor como a avaliação física é utilizada por mim para que seja possível obter os melhores resultados:

Anamnese – questionário que visa buscar parâmetros para melhor estabelecer o programa de atividade física.

Composição corporal - usado para verificar os níveis de gordura existentes no corpo, os métodos mais usuais são: Bioimpedância e a Adipometria.-Bioimpedância - este método permite uma avaliação rápida do percentual de gordura através da passagem de corrente elétrica, verificando o nível de água existente no organismo e quantificando o percentual de gordura.-Adipometria (dobras cutâneas) - é analisado por medidas verificadas por um compasso (adipômetro), obtendo dados para aplicar em algumas fórmulas já estabelecidas, consideradas como padrão através de vários estudos.

Teste neuromuscular - Testes de força como repetições máximas com um peso X ou peso corporal. Ou um teste de carga máxima em exercícios chave como supino e agachamento.

Avaliação postural - verifica anomalias no esqueleto, como lordose, cifose e escoliose, bem como possíveis assimetrias corporais, utiliza-se de um simetrógrafo para a análise.

Teste de flexibilidade - verifica a capacidade do músculo de se estender ao máximo através do Banco de Wells.

Peso e altura - dados como peso, altura e circunferências para conferências e comparações futuras


Ergoespirometria - este teste nos dá parâmetros para analisar o Vo2 Max (capacidade máxima de absorção e utilização do oxigênio) e definir o limiar anaeróbio (ponto onde a capacidade de remover o ácido lático é menor que a produção do mesmo e definir a predominância da utilização de gordura e carboidratos como fonte de energia). 


É fundamental aproveitar os momentos de avaliação física para podermos entender e verificar a eficacia do treinamento e dieta e possíveis ajustes necessários para que o treinamento possa continuar a dar resultados e proporcionar uma melhora continua.

Abraços e Bons Treinos!

Um comentário:

  1. Penso da mesma forma que voce Professor Ricardo. A importância de valorizar a profissão e trabalhar duro para prestar um trabalho eficiente e ver alunos contentes...Parabéns pelo blog...Se me permitir, citarei exemplos de seus textos e de sua pessoa (profissional), pois sou personal e nem sempre santo de casa faz milagres rs. Acredito muito no perfil científico para elaboração de treinamento, assim como voce o faz, além de sua preocupação com os alunos...Parabéns e sucesso sempre! Prof. João Luís.

    ResponderExcluir