terça-feira, 1 de maio de 2012

Como retomar aos treinos

Atualmente é comum por algum imprevisto alunos terem que parar de treinar por 1 mês ou até 1 ano, mesmo acreditando que sempre é possível encaixar algum horário no dia para fazer ao menos 30min de exercício, vamos entender então como quem parou de treinar deve retornar aos treinos.
Primeiro passo é entender que literalmente não é uma continuidade do que você vinha fazendo:

Para quem para 1 semana dar continuidade é normal
Para quem para 1 mês volte com o mesmo treino e metade do volume
Para quem para 1 ano é necessário repensar o treinamento, se o aluno era avançado um treino AB é uma excelente alternativa.

Faixa de repetições e Intensidade

Em um curso que eu realizei a alguns anos um professor disse só tem 2 formas de o aluno não ficar dolorido, ou você realiza poucas séries totais ou realiza o treino com pouca intensidade(menos carga do que o necessário). Isso faz todo sentido, então podemos ver que aquele 1 dia, realizando 3x15 talvez não seja a melhor alternativa, imagine uma mulher e ela irá realizar elevação lateral 1 kg é um peso considerável para ela realizar esse exercício se ela era sedentária, ou seja, estamos colocando ela em risco de sentir dor tardia.

Em resumo qualquer aluno que esteja retornando aos treinos: corte 25% da intensidade do seu treinamento, imagine que em cada série você conseguiria realizar mais 2 repetições. Isso implica não somente em evitar dores, mas uma musculatura atrofia tem maior risco de lesão principalmente em movimentos como supino.

Prevenção

O ponto que eu mais insisto é o maior foco do treinamento é não lesionar o aluno, pois lesionado seus ganhos serão perdidos. Pensando nisso que tal investir 2min todos os dias realizando movimentos preventivos? Existem milhares e centenas de métodos, os mais simples e que produzem resultados fantásticos são os exercícios de equilíbrio e os de fortaleciomento do chamado "manguito" através das rotações externas.

Frequência

Um ponto fundamental para se ter resultado e conseguir continuar a se exercitar é ter motivação e frequência, uma excelente sugestão é tenha dias e horários determinados para realizar cada treinamento, por exemplo 2vezes por semana terça e quinta às 19hrs, dessa forma as chances de você não ir diminuem muito.

Lembrem-se mais que uma questão estética, exercício é questão de saúde.

Abraços e Bons Treinos!

2 comentários:

  1. Ótimo post Ricardo. Só não entendi porque evitar a dor tardia, ela é tão gostosa... Sinal de trabalho realizado! Brincadeira, sei que existem vários públicos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade além disso, existe a possibilidade de um treino muito intenso abaixar a imunidade de um aluno e ele ficar de cama, por gripe por exemplo. A grande questão é ser progressivo no retorno aos treinamentos. Para atletas avançados a dor tardia é um leve incomodo, imagine um iniciante realizando seu treino, ele ficaria doente com certeza ou teria uma lesão.
      Abraços!

      Excluir