domingo, 12 de agosto de 2012

Conhecimento: Achismo X Prática X Teórico

A área da educação física historicamente sofreu por diversas modificações, e durante esses processos por diversas vezes foi ameaçada pela mais variada gama de profissionais: médicos, fisioterapeutas, ex-atletas e mais recentemente por praticantes de musculação.

Primeiramente quanto as outras áreas: os profissionais podem ter conhecimentos teóricos, mas seus conhecimentos são limitados devido a falta de prática, um médico não teve aulas de treinamento e um fisioterapeuta nunca passou teve aulas além da questão de reabilitação. Mas mesmo que fizessem um especialização em treinamento irá faltar a parte prática que é justamente estar lá vendo diversos alunos durante o treinamento dia a dia para entender e compreender cada vez melhor como a ciência se aplica na prática.

Existe também a questão do achismo, pois centenas de praticantes de musculação, escrevem todos os dias em sites, blogs e ministram aulas em academias, simplesmente pelo fato de serem praticantes da modalidade a muitos anos.

Um praticante de musculação de sucesso, irei colocar aqui atletas de bodybuilding, fitness, crossfit, ou simplesmente mais fortes que o cidadão comum, sabem o que funciona para eles através de testes, erros e acertos.

Mas esse profissional está apto a trabalhar com uma população com problemas articulares? Metabólicos? Objetivos diferentes que o dele? Pessoas com o mesmo objetivo mas diferentes estruturas metabólicas e estruturais?

Gosto muito dessas pessoas, pois são o simbolo de amor ao seu esporte, mas existe a necessidade de um mínimo de formação acadêmica para um trabalho eficaz e seguro. Como diz um amigo meu "Vamos tacar fogo em uma bola, que se não fizer efeito ao menos atraí novos alunos".

Mas eu não vou ser bonzinho com os professores desatualizados, a ciência muda a cada dia e novas técnicas e informações estão acessíveis em uma velocidade fenomenal graças a internet (quando digo informações me refiro a artigos científicos e não artigos postados por pessoas), com isso os profissionais que passam 3x10 para todo mundo estão fadados ao esquecimento ou a viver do falso marketing e falsas promessas.

Um trabalho bem feito, onde envolve no mínimo um avaliação física, estrutural, postural, e um trabalho individualizado e periodizado é o mínimo que um profissional do futuro deve estar realizando, pois o aluno merece o seu melhor!

Abraços e Bons Treinos!



Nenhum comentário:

Postar um comentário