domingo, 9 de junho de 2013

Quebrando Platôs com 8-20

Aposto que você já esteve ou até mesmo está em um platô de evolução, ou seja, um momento que seus ganhos simplesmente estagnaram, vamos ver então essa técnica que vai colocar você novamente no caminho do progresso.

Um dos maiores motivos para que ocorra a estagnação está relacionado ao péssimo planejamento e a falta de períodos adequados de descanso, e monotonia no estímulo. Essa técnica vai trabalhar nesse ultimo quesito, se você faz a muito tempo os mesmos exercícios, na mesma sequência e no mesmo 3x10, essa é a técnica para você!



A técnica consiste em realizar em um mesmo exercício repetições totalmente distintas com o intuito de dar diferentes estímulos, é possível realizar essa técnica de algumas maneiras variadas e com repetições diferentes:

Baixa e Altas Repetições:
Esse é o principal truque do treino, por isso você deve a todo custo manter sempre um exercício uma faixa com baixa repetições, entre 5-8, e outra com altas repetições, entre 15-20.

Alternância
Você pode alternar durante o exercício, por exemplo fazendo uma série de 8 e outra de 20(que é a mais tradicional), ou ainda fazer 3 séries de 8 e 3 séries de 20 no mesmo exercício.

Exercícios:
Procure exercício onde você consiga modular a carga adequadamente, por isso evite exercícios com peso corporal, e dê preferencia para exercícios guiados, caso você não esteja muito acostumado a fazer exercícios com repetições altas ou baixas, para contribuir no quesito segurança.

Quantidade de exercícios e séries:
É necessário cuidado para não realizar o dobro de séries tradicionais, procure selecionar poucos exercícios, e faça de 4-6 séries em cada exercício(2-3 em cada faixa).

Lembre-se de analisar e planejar seu treinamento pois o importa não é a velocidade que se evoluí mas sempre estar evoluindo.

Abraços e Bons Treinos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário