terça-feira, 2 de setembro de 2014

Porquê desenvolvemos desequilíbrios musculares?

Muito comum em praticantes de musculação de todos os níveis, os desequilíbrios musculares acabam ocorrendo por dezenas de fatores, mas vamos listar os mais comuns, para que você caso perceba consiga arrumar antes de desenvolver esse problema.


Destro e Canhoto
Esse é de longe o problema mais comum. A grande maioria da população é de destros, e a parte mais engraçada é que por quase tudo ser adaptado aos destros os canhotos acabam tendo que se adaptar a utilizar muitas ferramentes feitas para destros e dessa forma tem um desenvolvimento motor mais "harmônico", agora os destro...nem conseguem coçar a cabeça com a mão esquerda. Isso gera um certo desequilíbrio, onde as pessoas acabam utilizando basicamente somente a mão esquerda. Você não precisa treinar até se tornar um ambi-destro(que utiliza ambas as mãos de forma igualitária), mas ao menos procurar distribuir de maneira mais igual as cargas do dia-a-dia(como carregar compras com a mão esquerda, ou posicionar a bolsa no outro ombro).

Organização dos locais
Um fato interessante é que normalmente nos adaptamos ao meio ambiente ao nosso redor, por exemplo, se você trabalha em um local onde sempre tem que realizar um mesmo movimento com o mesmo braço ou o mesmo movimento corporal. Um exemplo disso obviou é uma aluna minha fechava sempre a porta com o quadril, e isso gerou uma descompensação que gerava dor.

Máquinas e distribuição de carga
A grande maioria dos equipamentos de ginástica funcional de uma maneira simples, onde você simplesmente empurra o peso, e o equipamento faz o movimento "correto" por você. Isso de maneira geral pode ser proveitoso, principalmente por aumentar a segurança, mas a verdade é que se você empurrar em qualquer direção(que não seja a contrária ao movimento do equipamento), ele irá executar o movimento com perfeição. O problema disso é que você não treina as musculaturas estabilizadoras e pode estar ativando mais um lado do corpo que o outro, gerando desequilíbrios.
Mesmo assim em movimentos livres é possível observar questões similares como por exemplo um posicionamento das mãos na barra de supino diferentes ou ainda a realização de amplitudes e ou caminhos do halter, em exercícios como o supino com halteres.

Ordem
Um dos fatores importantes, principalmente para os atletas mais avaçados, diz a respeito da ordem na execução dos exercícios, tipicamente a perna ou braço que você realiza primeiro recebe um pouco mais de estimulo que a outra, Por tanto se você sempre faz afundo começando com uma perna, ou sempre faz remada serro começando com o mesmo braço, talvez seja hora de modificar essa abordagem. Um ponto importante é que você realizar da seguinte forma:

remada D depois E
remada E depois D
remada D depois E

Não é o ideal, pois podemos observar que ocorreu um descanso muito maior da D da 1 série, para a D da segunda série, em relação a esquerda(o que ocorre posteriormente com a esquerda), mas essa troca de ordem afeta os fatores. A única forma de fazer isso de maneira igual, seria ou realizar 4 séries, ou ainda o que considero superior, fazer 1 dia de treinamento começando sempre com a D depois E, e no próximo treinamento o contrário.

Abraços e Bons Treinos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário