Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2015

Organizando os exercícios no treinamento

Vamos ilustrar como você pode organizar os exercícios do seu treinamento de maneira lógica, afim de tirar o máximos proveito do seu treinamento, e sem chegar na academia e sair fazendo qualquer exercício que estiver com o equipamento livre. É preciso entender que podemos selecionar a ordem dos exercícios com diversos objetivos, como priorizar grupamentos musculares, de acordo com a dificuldade, de acordo com os movimentos antes e depois, enfim existem diversas maneira DIFERENTES, o que não quer dizer que uma forma seja SUPERIOR, e só deva ser usada aquela forma. Justamente por isso normalmente algumas características podem coincidir e outras podem ir uma contra a outra, mas é importante entender que essa ordem afeta diretamente seus resultados, por isso recomendo que você procure definir todos os seus treinamentos com base nas mesmas características, afim de não causa um desequilíbrio muscular. -Priorizar os multi-articulares Essa premissa básica diz que primeiramente nos treinamento…

Dúvidas dos leitores: Youtube 10-16/05

Imagem
Muitas pessoas me enviam dúvidas via e-mail, e normalmente eu faço posts no blog a respeito das dúvidas normalmente abrangendo um pouco mais que o leitor me perguntou. Mas o mais importante é tentar disseminar informações corretas e confiáveis. E sempre que tiverem dúvidas basta me entrar em contato via e-mail: ricardowesley@gmail.com

Essa semana no youtube, postei 7 videos sobre dúvidas que os leitores me enviaram:
Como medir a progressão no treino? Como corrigir assimetrias? Devo fazer exercícios isolados para o antebraço? Como treinar o abdômen?É possível ganhar 2,5cm de braço em 1 dia? Quais os melhores exercícios para os glúteos? Devo usar saltos em um treino de hipertrofia?


Abraços e Bons Treinos!

Facilidade

Imagem
Com o passar dos anos tudo foi ficando mais fácil de trocar o canal da TV até fazer compras, tudo que você precisa fazer é dar um clique aqui ou ali e pronto. Com exercício físico e saúde as coisas avançaram muito e diversas promessas de exercícios fáceis são vendidas diariamente, mas será que você realmente só precisa de 5min ao dia e exercício? Ou ainda que uma máquina simples e divertida realmente queima 1000kcal por hora? Resultados rápidos e fáceis? Vamos começar esclarecendo que a organização mundial de saúde preconiza 30min de exercícios aeróbios de baixa intensidade para manutenção da saúde, mas existem alguns artigos científicos, dentre os quais o mais famoso é um escrito pelo pesquisador Tabata, que demonstram que realmente treinos MUITO intensos e de curta duração podem ter um resultado extremamente positivo, aumentando a capacidade aeróbia/anaeróbia e também o gasto energético total pelo EPOC(consumo de oxigênio pós treino). Mas apesar de estarmos falando de um protocolo …

Treinar em casa: vale a pena?

Uma boa e velha, vale a pena treinar em casa? Vamos analisar os prós e contras de se treinar em casa. E ver se você está preparado ou não para treinar sozinho. Como tudo na vida existem os dois lados da moeda, e é preciso levar em consideração qual o seu nível de treinamento e objetivos para decidir se é uma boa escolha. Treinar em casa é mais rápido e prático, você pode treinar a hora que quiser, sendo 5a.m. da manhã ou 12p.m., horário que muitas academias não se encontram disponíveis e principalmente você não vai ter que deslocar-se até lá, o que vai te poupar tempo e dinheiro. Mas ao mesmo tempo você provavelmente não vai ter a sua disposição todos os equipamentos que teria na academia, supondo que você tivesse uma academia no seu prédio podemos dizer que seria exatamente a mesma experiência, mas e você que não possuí nenhum equipamento? Treinar só usando o peso corporal é possível mas muito limitado, com a utilização de alguns pequenos acessórios como uma mala, é possível realiza…

Invenção: o problema do treinamento moderno

Na ultima década o treinamento físico passou por algumas revoluções, algumas muito positivas, outras extremamente negativas. Mas existe uma que jamais esteve tão presente, talvez tão presente no início do treinamento funcional, que é a invenção de exercícios. Quando pensávamos nas invenções que algumas pessoas inventavam no início do treinamento funcional, apesar de inúteis os exercícios, eles tinham um objetivo “nobre” em mente que era aproximar o exercício ao máximo do movimento esportivo ou dificultar um movimento já estabelecido na esperança de aumentar o estimulo. Mas no treinamento físico atual o conceito é mais parecido com: “temos esse equipamento que faz X, mas acho que seria diferente/inovar/engraçado fazer outro exercício com ele”. Justamente aí que eu perco qualquer esperança de tentar explicar o que muitas vezes vemos por aí nas academias e na internet. Se uma máquina foi projetada para fazer o exercício A, algum especialista em biomecânica se uniu a um engenheiro, progr…

Alongar entre as séries para hipertrofia?

Imagem
Faz um tempo que não abordamos algo muito avançado no treinamento, vamos observar hoje então uma técnica que vira e mexe vemos as pessoas utilizando mas que rapidamente perde sua popularidade devido a dificuldade em realizá-la: os alongamentos entre as séries.

Esse tipo de técnica normalmente é contra-indicada para alunos intermediários-avançados, pois por aumentar muito as microlesões, vai fazer com que demore mais tempo para você se recuperar e supercompensar, basicamente é um protocolo para quem treina cada musculatura 1x a cada 5-7 dias.
Essa técnica se tornou popular, devido a um estudo feito em animais onde através de um protocolo de alongamento de 28 dias, sendo 1 dia alongando e 2 descansando, os animais tiveram uma hipertrofia de 318% o tamanho original(sim é muita musculatura), o trabalho em questão (J. Antonio , W. J. Gonyea Progressive stretch overload of skeletal muscle results in hypertrophy before hyperplasia. Journal of Applied Physiology Published 1 September 1993) ob…

Preparação física no Rugby

Imagem
Um programa de de condicionamento físico tem como objetivo a aumentar as capacidades físicas dos jogadores de forma a melhorar a performance e reduzir as lesões. Por exemplo, o treinamento de força pode reduzir a incidência de lesões que ocorre na situação de contato, por isso o treinamento físico fora a prática do rugby deveria ser padrão a todos os praticantes.
O rugby é um esporte complexo e cada atleta deveria ter um programa de treinamento personalizado de acordo com suas necessidades e funções, mas nesse texto vou abordar de maneira mais ampla como poderia ser a programação de treinamento de acordo com o período competitivo durante o ano, dessa forma facilitando uma periodização adequada.

OFF-SEASON (antes do início da temporada) A ênfase do treinamento durante esse período preparatório, é projetado para estabelecer um nível de base de condicionamento e induzir mudanças positivas na composição corporal, como perda de gordura corporal ou ganho de massa muscular. Além disso é necessá…

Equipamentos te fazem fraco!

Através do título polêmico eu quero fazer com que você leitor, pense exatamente nas escolhas que você faz na academia e o porquê eventualmente você percebe que apesar de levantar toneladas na academia, não consegue nem levantar da cadeira sem apoiar se puxar com os braços.

Força é um conceito muito amplo e poderia dividir ele em dezenas de tipos, como força de resistência, força máxima, etc. Mas o ponto central desse artigo não se refere a nenhum tipo específico de força, mas sim o porquê a sua força na academia não se transfere para o "mundo real".
Quando pensamos em exercer força em uma atividade funcional, nesse caso você pode pensar em qualquer movimento integrado que envolva membros superiores e inferiores, como por exemplo escalar e empurrar um objeto pesado, você vai precisar integrar os esforços das pernas passando por uma estabilidade do tronco e usando também as forças dos membros superiores seja para agarrar e puxar ou para empurrar.
Vamos pensar na escalada como …