sábado, 6 de junho de 2015

Todo seu treino é uma série

Você algum dia durante um exercício entre as séries foi tomar uma água e demorou 10min para voltar? Talvez sim, mas hoje em dia com um pouco mais de conhecimento acredito que isso não deva ocorrer, pois você sabe da importância do tempo de descanso adequado para gerar o estimulo desejado.
Mas entre uma série e outra, entre um exercício e o próximo exercício, você já demorou mais que 2min?

Quando falamos de hipertrofia ou emagrecimento nosso objetivo é gerar um estresse metabólico alta, gerando tanto as microlesões nas fibras musculares, como o acumulo de metabólitos locais e aumento de produção de alguns hormonios, para isso sempre utilizamos uma zona de tempo de descaso que é coerente com o número de repetições, mas que não permite uma recuperação completa (2-5min).

Vale ressaltar que quando falamos de força máxima/explosiva a história é outra.

Mas qual o sentido de controlar o tempo entre as séries e de não de controlar o tempo entre os exercícios, pois da mesma maneira você irá atingir a mesma musculatura por um outro angulo, posição, etc. e isso configuraria uma continuidade no estimulo naquele local. Faz todo sentido que você mantenha um tempo de intervalo curto para maximizar o estimulo, ao invés de realizar um descanso longo em busca de uma melhor performance(levantar mais carga).

Mas mesmo quando trabalhamos outra musculatura, vamos supor que você treinou peitoral e agora vai fazer pernas, vale a pena manter um descanso reduzido, pois você continuará mantendo sua frequência cardíaca elevada (aumentando o gasto energético), como não tem fadiga local o intervalo não afetará sua performance e principalmente pensando no efeito sistêmico do treinamento(produção hormonal) permanecerá o mesmo.

Um modo fácil de pensar no seu treinamento é como se ele todo fosse somente 1 exercício e você tem que se programar para manter ele ocorrendo de uma maneira constante e fluída.

Abraços e Bons Treinos!


Nenhum comentário:

Postar um comentário