segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Treinar todos os dias a mesma musculatura pode ter algum benefício?


Vamos falar hoje sobre os treinamentos que envolvem treinar a mesma musculatura todos os dias, seja porquê o objetivo é focar nela ou porquê ela “se recupera” rápido, vamos entender melhor essas metodologias e ver se ela se aplicam no seu caso.
Sempre que vamos falar de treinamento de alta frequência é interessante falar sobre os esportes, afinal o atleta treina todos os dias as mesmas musculaturas (os mesmos movimentos) e progride, por tanto essa seria uma estratégia interessante para ganhar massa muscular?

Calma, na verdade isso só quer dizer que quando o treinamento é bem elaborado é possível treinar todos os dias as mesmas musculaturas, o que não quer dizer que o atleta treina todos os dias até a exaustão cada uma dessas musculaturas.
Agora vamos focar no caso da hipertrofia, quando pensamos no treinamento de uma mesma musculatura todos os dias com o objetivo de desenvolver mais ela (o que é comum observar em pessoas que querem treinar os braços todos os dias), o resultado é pífio pois o problema com a hipertrofia está na supercompensação e não na falta de estimulo. Além disso a falta de compensação vai fazer com que cada dia a intensidade caia mais e o processo inflamatório local aumente.
Esse tipo de estratégia só poderia ser usado para causar um “mini-overtraining” (OVERREACHING) nessa musculatura e depois dar um longo período de descanso, algo como 1 semana treinando assim para 2 sem treinar, e serviria para quebrar um platô, mas os riscos apresentados nessa estratégia são maiores que os possíveis benefícios.
Agora ao fato de treinar todos os dias pois se recuperam “rapidamente”, isso na verdade é relativo, pois se eu te falar para você fazer uma séries de flexão de braços todos os dias, você com certeza vai se recuperar, afinal o VOLUME e INTENSIDADE são baixos, apesar da frequência ser alta.
Então um dos fatores importantes no tempo de recuperação é justamente o desgaste que vamos induzir naquele treinamento. Por isso mesmo que você treine uma musculatura que teoricamente tenha uma recuperação mais rápida (por ser mais fibra lenta, com menor capacidade de produção de força e que seja mais oxidativa), se você treinar ela fortemente ela não vai se recuperar em 24hrs.
E é justamente ai que está o erro em quem quer treinar o abdômen todos os dias por exemplo, falta intensidade no treinamento (levar até a fadiga) e realizar um treinamento com um volume adequado, já que sabemos que o maior fator adaptativo no treinamento é a intensidade.
Então para finalizar, treinar todos os dias a mesma musculatura é possível, mas com um treinamento bem elaborado, e visando hipertrofia muscular essa não é uma boa estratégia, pois os riscos são maiores que os possíveis benefícios.


Abraços e Bons Treinos!Treinar todos os dias a mesma musculatura pode ter algum benefício?
Vamos falar hoje sobre os treinamentos que envolvem treinar a mesma musculatura todos os dias, seja porquê o objetivo é focar nela ou porquê ela “se recupera” rápido, vamos entender melhor essas metodologias e ver se ela se aplicam no seu caso.
Sempre que vamos falar de treinamento de alta frequência é interessante falar sobre os esportes, afinal o atleta treina todos os dias as mesmas musculaturas (os mesmos movimentos) e progride, por tanto essa seria uma estratégia interessante para ganhar massa muscular?
Calma, na verdade isso só quer dizer que quando o treinamento é bem elaborado é possível treinar todos os dias as mesmas musculaturas, o que não quer dizer que o atleta treina todos os dias até a exaustão cada uma dessas musculaturas.
Agora vamos focar no caso da hipertrofia, quando pensamos no treinamento de uma mesma musculatura todos os dias com o objetivo de desenvolver mais ela (o que é comum observar em pessoas que querem treinar os braços todos os dias), o resultado é pífio pois o problema com a hipertrofia está na supercompensação e não na falta de estimulo. Além disso a falta de compensação vai fazer com que cada dia a intensidade caia mais e o processo inflamatório local aumente.
Esse tipo de estratégia só poderia ser usado para causar um “mini-overtraining” (OVERREACHING) nessa musculatura e depois dar um longo período de descanso, algo como 1 semana treinando assim para 2 sem treinar, e serviria para quebrar um platô, mas os riscos apresentados nessa estratégia são maiores que os possíveis benefícios.
Agora ao fato de treinar todos os dias pois se recuperam “rapidamente”, isso na verdade é relativo, pois se eu te falar para você fazer uma séries de flexão de braços todos os dias, você com certeza vai se recuperar, afinal o VOLUME e INTENSIDADE são baixos, apesar da frequência ser alta.
Então um dos fatores importantes no tempo de recuperação é justamente o desgaste que vamos induzir naquele treinamento. Por isso mesmo que você treine uma musculatura que teoricamente tenha uma recuperação mais rápida (por ser mais fibra lenta, com menor capacidade de produção de força e que seja mais oxidativa), se você treinar ela fortemente ela não vai se recuperar em 24hrs.
E é justamente ai que está o erro em quem quer treinar o abdômen todos os dias por exemplo, falta intensidade no treinamento (levar até a fadiga) e realizar um treinamento com um volume adequado, já que sabemos que o maior fator adaptativo no treinamento é a intensidade.
Então para finalizar, treinar todos os dias a mesma musculatura é possível, mas com um treinamento bem elaborado, e visando hipertrofia muscular essa não é uma boa estratégia, pois os riscos são maiores que os possíveis benefícios.

Abraços e Bons Treinos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário