terça-feira, 18 de outubro de 2016

Fadiga e movimentos multi-articulares

Quando realizamos movimentos multi-articulares, realizamos um trabalho que envolve diversas musculaturas que trabalham de maneira sinérgica, mas será que estamos tendo o máximo de estímulo em todas elas? Ou será que estamos treinando eficientemente a musculatura que estamos objetivando?

Ao treinar uma musculatura, por exemplo o peitoral, quais são seus movimentos de escolha? Provavelmente o supino, afinal 10 a cada 10 homens o supino é o exercício favorito. Mas quando você realiza o movimento e chega na fadiga, qual musculatura não aguenta mais fazer o movimento: o peitoral, o anterior de ombro ou o tríceps?

Apesar do movimento trabalhar todas essas musculaturas eventualmente você pode estar limitando seu progresso no treinamento pela falta de estimulo não no treinamento em geral, mas durantes os exercícios.

Vamos imaginar um treinamento:
-Supino reto
-Supino inclinado
-Crucifixo
-Desenvolvimento
-Tríceps testa

Um treino de volume "baixo" de empurrar, mas vamos observar alguém que é muito forte de peitoral, quais as musculaturas que fadigam em cada movimento:

-Supino reto - TRÍCEPS
-Supino inclinado - OMBROS
-Crucifixo - PEITO
-Desenvolvimento - OMBROS
-Tríceps testa - TRÍCEPS

Em resumo de 5 movimentos, somente 1 você levou seu peitoral ao limite. Apesar de isso ser só um exemplo, pode estar ocorrendo no seu treinamento e em basicamente todos treinamentos.

A ideia é que você tenha consciência de como cada movimento está interferindo no seu corpo.

No exemplo acima, se trocássemos a ordem dos exercícios colocando o crucifixo primeiro, iríamos pré-fadigar o peitoral e ele acabaria chegando a fadiga nos demais movimentos:

-Crucifixo - PEITO
-Supino reto - PEITO
-Supino inclinado - PEITO
-Desenvolvimento - OMBROS
-Tríceps testa - TRÍCEPS

Não necessariamente você tem que sempre fazer pré-exaustão, mas caso você esteja com dificuldade em desenvolver alguma musculatura privilegiando os multi-articulares, essa pode ser uma solução inteligente para focar na musculatura de interesse.

Abraços e Bons Treinos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário